Sam Raimi

Hoje é aniversário de Sam Raimi e nada melhor que o responsável por uma das melhores obras do cinema de horror para começar a semana do Halloween! Pra quem não sabe, o mês de outubro inteirinho é dedicado ao terror, se encerrando no dia das bruxas, 31. Eu, como apaixonada pelo gênero e admiradora do Raimi, não poderia deixar de falar a respeito de nenhum dos dois, e este post com os filmes do Raimi é para você já ir entrando no clima  aterrorizante que vai rondar o 1 bom filme durante toda a semana!

sam-raimi-poster

Produções dirigidas por Sam Raimi

Samuel Marshall Raimi, nascido no Michigan (EUA) em 23 de outubro de 1959 é um diretor, produtor, roteirista e ator que se interessou pelo mundo cinematográfico ainda na infância, após seu pai levar uma câmera de cinema pra casa. Utilizando uma Super 8, Raimi e seu amigo Bruce Campbell começaram a produzir alguns filmes, o que continou durante a faculdade. Fã do humor pastelão de Os Três Patetas, faz referências a comédias clássicas utilizando humor sombrio misturado com terror gore, o que o coloca como adepto do terrir (terror + risadas provocadas por situações bizarras/exageradas/explícitas/nojentas), assim nomeado pelo cineasta brasileiro Ivan Cardoso, considerado um mestre do gênero (equivalente ao cinema trash americano).

sam-raimi

Em 1981, após ter lançado It’s Murder! (1977) e o curta de terror Whitin the Woods (1978), filmados com orçamento de cerca de $ 2mil doláres cada, Raimi conseguiu – contando com a ajuda da família, amigos e uma rede de investidores – abrir uma produtora (Renaissance Pictures) e financiar a produção de The Evil Dead (Uma Noite Alucinante: A Morte do Demônio), filme que o fez conquistar a fama e hoje é considerado um dos grandes clássicos cult do terror, figurando em quase todas as listas de melhores filmes de terror de todos os tempos (o filme chegou a ter a versão original proibida em vários países devido à quantidade de violência exibida).  Em The Evil Dead, 5 amigos viajam para uma cabana no meio de uma floresta e inadvertidamente liberam um demônio após a leitura de um livro macabro que encontram no local. O filme teve uma sequência em 1987, que é basicamente um remake do primeiro (Evil Dead II, Uma Noite Alucinante 2 no Brasil), e a parte 3, Army of Darkness (Uma Noite Alucinante 3), foi lançada em 1992. Hoje em dia dou boas risadas com Uma Noite Alucinante 3, mas morria de medo quando passava na Sessão da Tarde durante minha infância!

evil-dead-1981-.jpg

Within the Woods | Evil Dead

Uma das cenas mais famosas de The Evil Dead é quando Ash, o personagem principal interpretado por Bruce Campbell, é perseguido pela cabana por um ser malígno invisível e a câmera frenética assume o papel do monstro que não aparece em cena, uma das mostras da criatividade do diretor. Isso acontece também com alguns objetos em movimento,  como se câmera fizesse parte da ação representando o ponto de vista do objeto. Raimi utiliza ainda closeups com lente grande angular, movimentos de câmera em zoom em referência a Alfred Hitchcock (ele inclusive veste terno e gravata nos sets e aparece em alguns de seus filmes assim como Hitchcock) e várias outras marcas registradas que podem ser vistas em seus filmes posteriores.

evil-dead-1981.jpg

Evil Dead

Entre a produção de The Evil Dead 1 e 2, Raimi dirigiu a bizarríssima comédia Crimewave (Dois Heróis bem Trapalhões, 1985), uma relíquia pouco conhecida pelo público, com uma história bem maluca escrita pelos irmãos Coen, onde Vic Ajax (Reed Birney) é acusado de um crime mas tenta provar sua inocência para evitar a condenação à cadeira elétrica. No anos seguintes, o cineasta flertou com varios gêneros (Darkman: ação; Rápida e Mortal: western; Um Plano Simples: suspense policial; Por Amor: drama esportivo; O Dom da Premonição: suspense sobrenatural – disponível na Netflix) até assumir a direção da 1ª adaptação cinematográfica do Homem-Aranha (2002), super-herói da Marvel do qual Raimi é fã e que rendeu 2 continuações dirigidas por ele entre 2004 e 2007, até ser rebootado em 2012 (Homem-Aranha 2 está disponível na Netflix).

sam-raimi-filmografia

Crimewave | Darkman | Rápida e Mortal | Um Plano Simples

Em 2009, Sam Raimi escreveu e dirigiu Arrasta-me para o Inferno (disponível na Netflix), obra que rendeu boas críticas e foi um grande sucesso de bilheteria, faturando o prêmio de melhor filme de terror no Saturn Awards no ano seguinte. A trama acompanha Christine Brown (Alison Lohman), que trabalha como analista de crédito e um dia, para impressionar o chefe a fim de garantir sua promoção, nega o pedido de empréstimo de uma velhinha (Lorna Raver). Diante da recusa, a idosa lança uma maldição sobre Christine, e ela passa então a ser atormentada por forças demoníacas. Eu gostaria de abrir aqui um parênteses para me defender diante do fatídico dia em que meu namorado foi assistir Arrasta-me para o Inferno com a família, dizendo que eu tinha recomendado como um bom filme de terror, sendo que na verdade eu tinha explicado a ele cuidadosamente que podia ser considerado um terrir (justamente para o caso de a vibe trash do filme causar estranhamento) – o que faria toda a diferença ao não gerar expectativas erradas que acabaram fazendo com que achassem o filme ruim. Enfim…🙄

sam-raimi-filmografia-2.jpg

Por Amor | O Dom da Premonição | Homem-Aranha | Arrasta-me para o Inferno

O último filme dirigido por Sam Raimi foi Oz: Mágico e Poderoso (disponível na Netflix), de 2013, que apesar das críticas mistas foi um sucesso de bilheteria, arrecadando mais de $ 490 milhões de dólares (eu gosto dele rs). O filme se inicia antes da clássica história de O Maravilhoso Mágico de Oz escrita em 1900, contando como o famoso mágico Oscar Diggs, interpretado por James Franco, chegou a Oz e conseguiu enganar os habitantes se passando por um poderoso feiticeiro. Ainda em 2013, Raimi atuou como produtor do remake Evil Dead (disponível na Netflix) dirigido pelo estreante uruguaio Fede Alvarez, com a intenção de trazer uma visão renovada e atual da história, que também virou série, intitulada Ash vs Evil Dead e mantendo Bruce Campbell no papel. Do canal Starz, Ash vs Evil Dead estreou em 31 de outubro do ano passado e está com a 2ª temporada em andamento, já tendo sido renovada para o 3º ano. Raimi é produtor executivo, roteirista e dirigiu o episódio piloto. Eu adoro a série e falarei sobre ela em breve, aguarde!

sam-raimi-filmes-.jpg

Oz: Mágico e Poderoso | Evil Dead (2013) | Ash vs Evil Dead

Produtor ainda de séries conhecidas, a exemplo de HérculesXena: A Princesa Guerreira e Spartacus: Blood and Sand e do elogiado O Homem nas Trevas (dirigido por Fede Alvarez), que estreou nos cinemas em setembro, Sam Raimi estava produzindo a adaptação cinematográfica do aclamado jogo The Last of Us, mas notícias de abril falam que o projeto foi engavetado e desde então não se sabem os rumos que tomou. O próximo filme do qual Raimi assumirá o comando da direção será o longa World War III, adaptado do livro Os Próximos 100 Anos: Uma Previsão Para o Século 21, escrito por George Friedman e lançado em 2009. No livro, o autor faz previsões de acontecimentos que podem nos levar à 3ª guerra mundial, além de explorar tendências econômicas, sociais, políticas, culturais, etc pelas quais o mundo passará. O filme ainda não tem previsão de lançamento, embora eu mal possa esperar para conferir mais uma das múltiplas facetas do inventivo cineasta que é Sam Raimi!

sam-raimi-2.jpg

Siga nossas redes e não perca nenhuma dica!
Facebook| Instagram | Twitter | Filmow | Google +

Anúncios

4 comentários sobre “Sam Raimi

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s