Chef

Carl Casper (Jon Favreau) é o chef de um restaurante badalado de Los Angeles, mas volta e meia enfrenta problemas com o dono do local (Dustin Hoffman) por querer inovar no cardápio ao invés de fazer sempre os pratos mais pedidos pelos clientes. Um dia, um renomado crítico gastronômico (Oliver Platt) vai ao restaurante e publica uma crítica bastante negativa, baseada justamente no fato do cardápio ser pouco criativo. Furioso, Casper vai tirar satisfação com ele e acaba demitido. Pior: a briga vai parar na internet e se torna viral, o que lhe fecha as portas nos demais restaurantes. Sem saída, ele recebe a ajuda de sua ex-esposa (Sophia Vergara) para reiniciar a vida no comando de um trailer de comida.

Assista ao trailer (ative as legendas):

 

OBS: Tem na Netflix

Quem aí assiste a Masterchef Brasil? Hoje é a final do programa, e aproveito o clima gastronômico para dar uma dica de filme sobre o assunto. Chef não tem a ver com o formato do Masterchef, mas as redes sociais que tanto fazem sucesso na hora em que o programa está sendo exibido são fundamentais para o desenvolvimento da trama. Nela conhecemos Carl Casper (Jon Favreau), um chef frustrado que há muito não consegue inovar, cansado de servir pratos inferiores a seu talento e criatividade, cumprindo ordens de preparar sempre os mesmos pratos sem diversificar o menu. Após um comentário negativo do crítico Ramsey Michel (Oliver Platt) se transformar em um viral no Twitter, Carl cria sua própria conta para responder irritado a Ramsey, acreditando que a mensagem tinha sido enviada em modo privado, sem saber o alcance astronômico que aquilo teria. Um confusão é criada, Carl é demitido e começa a vender sanduíches cubanos em um food truck, passando por diversas cidades dos EUA e usando as redes sociais para divulgar os lugares em que estarão, uma vez que a polêmica lhe garantiu uma enorme visibilidade.

A viagem acaba unindo Carl e o filho Percy (Emjay Anthony), que antes só via uma vez por semana por conta do trabalho; o garoto se junta a ele e é quem administra os conteúdos digitais. Assim, a jornada de Carl não envolve apenas uma reinvenção de si mesmo, mas também uma redescoberta dos prazeres de cozinhar e da paternidade. Chef conta com as participações de Scarlett Johansson, que nada acrescenta, a não ser oferecer sua sensualidade como um prato a ser devorado com os olhos, e Robert Downey Jr. praticamente revivendo o Tony Stark, como um fan service para juntar os três novamente numa grande reunião de amigos depois de Homem de Ferro. Sofia Vergara interpreta a ex-mulher de Carl, Dustin Hoffman é o dono do restaurante onde ele trabalhava e John Leguizamo é o parceiro que o acompanha no trailer. Os personagens não são muito desenvolvidos e o final destoa um pouco, mas nada que chegue a decepcionar nem interferir no brilho da gastronomia: é bacana ver a preparação dos coloridos e apetitosos pratos. Chef é um filme simples que não chega a trazer nada de novo mas vale a pena pela exposição – ainda que de forma superficial – do poder negativo e positivo das redes sociais e pelo clima tranquilo e descontraído.

Um bom filme pra você!

 

Siga nossas redes e não perca nada!
Facebook| Instagram | Twitter | Filmow| Google +


 

Título original: Chef (EUA, 2014)

Direção e Roteiro: Jon Favreau

Gênero: Drama | Comédia | Road movie

IMDB: 7,3

 

 

Anúncios

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s