#1boasérie: 11.22.63

Baseada no romance homônimo de Stephen King, a série conta a história de Jake Epping (James Franco), um professor de inglês em uma pequena cidade do Maine, cuja vida vira do avesso, após o dono de uma lanchonete da cidade, mostrar a Jake um portal que pode o levar ao ano de 1960, onde ele deve tentar impedir Lee Harvey Oswald de assassinar o presidente Kennedy.

Assista ao trailer:

O texto a seguir contém spoilers

Contando com a participação de J.J. Abrams como produtor executivo, a minissérie 11.22.63 estreou em fevereiro no canal Hulu. Com 8 episódios, 11.22.63 conta a história de um viajante no tempo que tenta impedir o assassinato de John F. Kennedy, no dia 22 de novembro de 1963 (daí o título). Baseada no romance homônimo de Stephen King publicado em 2011 (Novembro de 63 no Brasil), a minissérie é estrelada por James Franco, que dá vida a Jake Epping, um professor de inglês recém-divorciado que recebe de seu amigo à beira da morte, Al Templeton (Chris Cooper), a missão de mudar a História, voltando para o ano de 1960 e impedindo o assassinato de JFK, considerado por Al como um acontecimento fundamental para tornar não apenas os EUA, mas também o planeta, um lugar melhor.

O portal para o passado fica dentro de um armário na lanchonete de Al, e ele conta já ter tentado alterar o curso da História algumas vezes, porém sem sucesso, mostrando todos os dados de sua extensa pesquisa e explicando o funcionamento do portal. A cada vez que o viajante volta ao passado o tempo é zerado, o que faz com que ele vá sempre para o mesmo dia, no mesmo horario, no mesmo ano e local (11h58min. do dia 21 de outubro de 1960), podendo viver normalmente naquela linha temporal a partir dali, ou simplesmente voltar e reiniciar tudo, pois terá se passado apenas 2 minutos no presente.

Ou seja: caso quisesse de fato mudar o passado, Jake teria que continuar vivendo permanentemente nos anos 1960, pois voltar para o presente apagaria tudo que ele tivesse feito. Convencido, Jake aceita o desafio, e passa a viver no ano de 1960, na cidade de Jodie, onde arranja emprego em uma escola, usa as anotações de Al para se beneficiar em apostas esportivas e se apaixona por uma colega de trabalho. Ele começa a investigar todos os acontecimentos anteriores ao assassinato, a fim de descobrir quem verdadeiramente está por trás dele (além do acusado de cometer o crime, Lee Harvey Oswald, interpretado por Daniel Webber) e impedir suas ações.

O mais interessante de 11.22.63, no entanto, é que nela o passado também se torna um personagem, tentando a todo custo evitar as interferências de Jake na linha de tempo. Jake começa a perceber que incidentes estranhíssimos atrapalham suas investigações, até mesmo colocando sua vida e de pessoas a seu redor em grande perigo. Por falar em pessoas ao redor, o envolvimento com os personagens é outro ponto forte do roteiro, que faz com que a gente se importe com os aliados que Jake encontra pelo caminho (Harry Dunning, Sadie, Mimi, Bill – que nao existe no livro – e mesmo Lee Oswald). Com uma elegante fotografia, belos figurinos, boas caracterização e ambientação, um clima noir (a abertura e o tema são maravilhosos) e cheia de teorias conspiratórias, mistérios e referências a outras obras de Stephen King (a exemplo do “redrum” de O Iluminado que aparece em um dos episódios), 11.22.63 não se limita à trama política, podendo ser uma boa distração para quem gosta de suspense, investigações e, claro, viagens no tempo.

Uma boa série pra você!

 

Siga nossas redes e não perca nada!
Facebook| Instagram | Twitter | Filmow| Google +


Título original: 11.22.63 (EUA, 2016)

Roteiro: Bridget Carpenter

Gênero: Drama | Mistério

IMDB: 8,4

 

Anúncios

2 comentários sobre “#1boasérie: 11.22.63

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s