Rush – No Limite da Emoção

Rush é uma biografia que acompanha a rivalidade entre o piloto inglês, playboy e bonitão James Hunt (Chris Hemsworth) e seu metódico oponente austríaco, Niki Lauda (Daniel Brühl), durante a década de 1970. Baseado em fatos reais.

Para ver o trailer, clique aqui

OBS: Tem na Netflix

Surpreendente. Essa é a palavra que define Rush – No limite da emoção, principalmente para aqueles que não gostam de Fórmula 1. Acredite, você vai se surpreender com a qualidade dessa obra. Não apenas com toda a produção visual, marcada pela fotografia granulada que remete aos anos 70, quando tudo acontece (mais precisamente durante o campeonato de 1976), como também com o modo eficiente e instigante com que a história é contada.

rush-chris-hemsworth-daniel-bruhl-21

A recriação da época e das corridas é minuciosa e a caracterização dos personagens principais, Hunt e Lauda, é perfeita. Falando nisso, a atuação de Daniel Brühl está magnífica. Ele se entrega de corpo e alma ao seu papel de Niki Lauda, e quem vê o ex-piloto pelos bastidores da Fórmula 1 reconhece todos os seus trejeitos e modo de falar (eu como fã do esporte fiquei impressionada); é nítido que Brühl estudou Lauda calculadamente. Chris Hemsworth não fica muito atrás, vivendo um personagem com mais seriedade do que está acostumado (por representar alguém real), ainda que continue sendo um galã necessário no contexto.

Em Rush – No limite da emoção, podemos acompanhar parte da trajetória de dois pilotos com personalidades totalmente opostas, em uma disputa acirrada, mas que mantêm o respeito um pelo outro enquanto adversários dentro do esporte que amam praticar. Para mim, que sou fã de Fórmula 1, Rush – No limite da emoção foi uma experiência incrível, tanto que assisti duas vezes seguidas; acabou e já coloquei novamente na mesma hora. Garanto que mesmo quem odeia corridas vai ser transportado animadamente para o mundo da velocidade e experimentar um pouco da emoção que é viver para o que se ama, por mais arriscado que seja, e entender a paixão que esse esporte pode despertar.

rush-movie-2.jpg

Um bom filme pra você!

 

Siga nossas redes e não perca nada!
Facebook| Instagram | Twitter | Filmow| Google +


 

Nome original: Rush (Alemanha, Reino Unido, EUA, 2013)

Direção: Ron Howard

Roteiro: Peter Morgan

IMDB: 8,1

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s